Você conhece o Mini Mundo? Pois devia!

Esse intercâmbio te leva para o dia a dia em uma vinícola na África do Sul
21/12/2017
Que tempero gostoso esse da solidariedade!
22/12/2017

Você conhece o Mini Mundo? Pois devia!

Um lugar onde o imaginário ganha cor e movimento. Um lugar onde cada detalhe foi pensado e criado com profundo esmero. Estamos falando do Mini Mundo, um dos principais pontos turísticos de Gramado. Há 34 anos, um sonho em família começou a ganhar contornos reais, fazendo nascer um mundo em miniatura, o cenário perfeito para uma criança desfrutar. Passadas mais de três décadas, o parque é uma referência para turistas do mundo inteiro que visitam Gramado.

Tudo começou no jardim dos Höppner

O Parque Mini Mundo nasceu em um jardim com menos de mil metros quadrados, onde foi colocada uma casa de bonecas e uma ferrovia para que as crianças hospedadas no Hotel Ritta Höppner e as crianças da família Höppner pudessem brincar à vontade. O local começou a ser visitado por mais e mais pessoas, despertando assim o interesse em Otto Höppner (nascido na Alemanha e morador de Gramado) pela produção caseira de pequenas obras de arte em miniatura, feitas à mão, em madeira.

Sonhos traduzidos em arte

A primeira grande maquete em escala 1:24 (24 vezes menor do que o tamanho natural) foi o Castelo de Neuschwanstein, que Otto e o filho Heino levaram meses para executar. Essa obra ocupou lugar de destaque no parque durante duas décadas, compartilhando espaço com outras tantas réplicas de castelos e obras da humanidade. Exposta ao sol, chuva e neve, ela durou 20 anos. Foi então que esse símbolo do parque ressurgiu novinha, desta vez elaborada pelas mãos do neto de Otto Höppner, Guilherme. A equipe da oficina Mini Mundo instalou a nova réplica do castelo em 2003, perpetuando assim a vocação da família Höppner de traduzir sonhos em arte.

Livros para soltar a imaginação!

Durante todos estes anos, inúmeras obras em escala 1:24 foram instaladas ou renovadas no Mini Mundo e muitas delas ganharam um repertório artístico diferente: livros de histórias infantis. Assim, as miniaturas que estão no parque passaram a ser cenário para os personagens do parque desenvolverem suas aventuras literárias. O visitante, além de ver as obras no parque, é convidado a viajar com a imaginação do escritor e ilustrador Flávio Mesquita pelo Castelo de Neuschwanstein – Alemanha (livro O Mistério no Castelo), Museu do Gasômetro – Porto Alegre (livro O Fantasma do Gasômetro),  Aeroporto de Bariloche – Argentina (livro Bariloche e o Povo Subterrâneo), Igreja de São Francisco de Assis – Ouro Preto (livro O Portão de Ouro), Museu Paulista – SP (livro Museu do Ipiranga e a Máquina do Tempo), Castelo de Kaub – Alemanha (livro O Castelo de Kaub e a Sereia do Reno), Museu Cap San Diego – Alemanha (livro Cap San Diego no Mar das Baleias), entre outros livros, que totalizam 12 criações.

Personagens

Para Flávio Mesquita, o mais importante do conjunto literário editado pelo parque é a mensagem que cada livro passa ao leitor, pois são recheados pelos princípios e valores da família Höppner. O escritor tem como protagonistas de suas histórias os personagens do Mini Mundo: os Ursinhos Gui e Ana, o  Limpador de Chaminés, a Bruxinha Ju e a Princesa Rafaela. O Mini Mundo fica na Rua Horácio Cardoso, 291, no Bairro Planalto, em Gramado e abre diariamente das 8h30 às 18h30.

Fotos Divulgação

Compartilhar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *